[ editar artigo]

SAIBA O QUE É NFT -TOKEN NÃO FUNGÍVEL

SAIBA O QUE É NFT -TOKEN NÃO FUNGÍVEL

O token não fungível é comumente conhecido como NFT (Non-fungible Token) e se refere a algo que pode se gasto ou substituído no mesmo valor.

O dinheiro é um bem fungível posto que, por exemplo, posso emprestar um determinado valor a uma pessoa e está me pagará a quantia emprestada com outras cédulas e não necessariamente com as que lhe emprestei - isto se denomina Fungibilidade.

No mercado financeiro os tokens não fungíveis são denominados de NFTs que correspondem a criptomoedas colecionáveis cujas principais características são a exclusividade e o limite de quantidades.

O NFT é considerado um bem não infungível porque não possui a principal característica de um bem fungível que é a garantia de retorno do mesmo valor.

Cada NFT corresponde a um token criptográfico dentro de uma blockchain que podem ser digitais ou tokenizados.

O primeiro NFT foi criado em 2012, para denominar o Coloured Coins ou Bitcoin 2.x um protocolo open-source que permitia a manipulação de recursos digitais nas transações de Bitcoin possibilitando a associação de metadados a um conjunto de bitcoins. O termo Coloured Coins está associado à possibilidade de colorir um conjunto de bitcoins atribuindo a estes uma propriedade diferenciada.

Mas como o NFT pode ser lucrativo dentro dessa lógica?

A grande vantagem de possuir um NFT é a sua característica de token colacionável; o detentor do NFT torna-se proprietário exclusivo do ativo digital o que lhe permite identificar se existem mais cópias semelhantes ao seu arquivo digital circulando na rede.

Dessa forma, uma imagem, um vídeo, uma música, entre outros, passa a deter um identificador único, diferenciando aquele arquivo das demais cópias veiculadas pela rede. A partir desse identificador único, portanto, torna-se possível a comercialização da propriedade de um arquivo “original” – uma cópia legítima, que passa assim a deter valor como colecionável[1].

Leandro Mello[2] em um artigo recente listou as principais características do NFT:

-Único: cada NFT possui exclusividade devido à atribuição de um mesmo número no token e no contrato inteligente. É impossível que existam dois tokens com a mesma numeração.

-Copyright: pode-se atribuir ao seu NFT um copyright dando ao seu proprietário domínio exclusivo sobre ao conteúdo atribuído ao token; içando proibida a sua reprodução sem autorização. 

-Raros: um NFT possui em torno de 1000 cópias autorizadas pelo seu proprietário como é o caso de obras de artes ou outros itens colecionáveis.

-Colecionáveis: por serem vinculados a itens de coleção os valores podem chegar a bilhões dependendo do item que está atribuído ao NFT.

 -Imutabilidade: não existe possibilidade de alteração dos metadados do token por isso as propriedades atribuídas a ele são invioláveis; não podendo nenhuma das suas características serem removidas.

- Propriedade eterna: como a propriedade do NFT é intransferível você sempre deterá esse token; o que lhe confere possibilidade de revendê-lo sempre que quiser.

- Comercialização: o seu NFT sempre será comercializável. 

A principal vantagem das NFTs é agregar royalties aos seus criadores principalmente na área artística fortalecendo dessa maneira distribuição por exclusividade dos produtos e garantindo a confiabilidade autoral.  

No caso, basta que o artista selecione essa opção, para receber um percentual monetário relativo ao valor de cada venda subsequente de sua criação. Em um cenário em que as obras poderiam ser vendidas inicialmente a preços razoáveis, para posteriormente serem revendidas a valores exorbitantes após especulação por parte dos vendedores, isso representa uma ferramenta muito útil para que os criadores originais recebam uma compensação pela valorização de seus trabalhos[3].

Os NFTs podem ser negociados entre si; usando-se a plataforma Ethereum.

COMO FUNCIONA O NFT?

O NFT é extensível, portanto permite a combinação de diferentes NFTs para gerar um novo criptoativo.

Grande parte dos NFTs funciona na rede Ethereum, e são desenvolvidos seguindo um protocolo padrão denominados ERC-721.

O ERC-721 é um token da rede Ethereum e funciona por meio de smart contracts.

Abaixo listamos as principais características do ERC-721:

-atribuição de nome e símbolo a cada token ERC-721;

-definição de uma carga de abastecimento do ERC-721;

-equilíbrio entre o campo de tokens e o endereço o que permite definir as funções do proprietário e o modelo de transferência;

-o campo proprietário permite a garantia da não fungibilidade do token e a sua identificação criptográfica;

-o campo de aprovação permite a concessão de transferência do token para outro proprietário;

-o campo de transferência permite que um usuário possa transferir a outro os seus tokens;

-o campo Propriedade por Índice permite que um proprietário que detenha um grande número de NFTs possa identificar seu token por meio de um ID exclusivo; 

-o campo metadados possui todas as propriedades do token não permitindo alterações em sua estrutura.  

REFERÊNCIAS

1 VIEIRA, Victor. NFT: o que é, para que serve e o que dizer a respeito? Instituto de Referência em Internet e Informação, 06 abril 2021.  Disponível em: <https://irisbh.com.br/nft-o-que-e-para-que-serve-e-o-que-dizer-a-respeito/>, acesso em 31/05/2021.

2 MELLO Leandro França. Guia para lançamento NFT: como entrar na onda dos tokens não fungíveis. Cointelegraph, Brasil, 10 março 2021.  Disponível em: <https://cointelegraph.com.br/news/nft-release-guide-how-to-get-on-the-wave-of-non-fungible-tokens>, acesso em 02/06/2021.                                                                                  

3 VIEIRA, Victor. NFT: o que é, para que serve e o que dizer a respeito? Instituto de Referência em Internet e Informação, 06 abril 2021.  Disponível em: <https://irisbh.com.br/nft-o-que-e-para-que-serve-e-o-que-dizer-a-respeito/>, acesso em 02/06/2021.


[3] https://irisbh.com.br/nft-o-que-e-para-que-serve-e-o-que-dizer-a-respeito/


[2] https://cointelegraph.com.br/news/nft-release-guide-how-to-get-on-the-wave-of-non-fungible-tokens


[1] https://irisbh.com.br/nft-o-que-e-para-que-serve-e-o-que-dizer-a-respeito/

                                                       

Comunidade Legal Hub
Adriana Siliprandi
Adriana Siliprandi Seguir

Advogada, Administradora e Empreendedora no mercado de Criptoativos, Tokenização e Fintechs, com foco em Inovação e Blockchain. Palestrante e Coautora dos livros “Blockchain, Bitcoin e Smart Contracts” e “Manual do Crescimento”.

Ler conteúdo completo
Indicados para você