[ editar artigo]

O livro “O milagre da manhã – O segredo para transformar sua vida (antes das 8h)” é realmente milagroso?

O livro “O milagre da manhã – O segredo para transformar sua vida (antes das 8h)” é realmente milagroso?

Confesso que adquiri esse livro e devorei ele no final de semana (194 páginas), esperançosa de que na segunda-feira eu fosse colocar tudo em prática e conseguir ser mega “produtiva” e “conquistar o mundo” logo cedo.

Hal Erold, o autor do livro, propõe acordarmos um pouco mais cedo e priorizarmos nosso bem-estar pessoal através de seis premissas/práticas básicas: silêncio, leitura, afirmações, visualizações, exercícios físicos e escrita.

Admito, ainda, que até tentei, por umas duas semanas (menos do que o tempo indicado por especialistas para se tornar um hábito constante, como veremos em uma próxima resenha!), praticar esses hábitos que fariam da minha/sua/nossa vida ter mais “disciplina”, “clareza” e nos desenvolver pessoalmente (nas palavras do autor).

Todavia, depois de algum tempo percebi que acordar todo dia às 5h da manhã (conforme indicado) e conseguir fazer a ‘check list’ dessas 6 atividades é algo para poucos (pouquíssimos!).

Primeiro porque acordar cedo não é para qualquer um. Depois - e mais difícil - nem todos somos afortunados com um dos bens mais preciosos dos dias atuais: tempo. Não há tempo para fazer tudo isso de manhã, logo que acordamos, ainda que seja por 1 minuto cada atividade, na forma também indicada.... Até mesmo porque quem consegue LER (algo relevante) em 1 minuto? Fazer exercícios físicos? Realmente, um minuto de flexões vai te tornar mais “pleno”?

Eu realmente acredito que ler, meditar, escrever, visualizar nossos desejos, afirmar-se e praticar exercícios físicos são hábitos que mudam vidas, humores e a forma como encaramos ou reagimos ao dia. Devemos praticá-los. Porém, na forma e horário que melhor se encaixe na vida de cada um.

Independentemente do título do livro (e do momento em que tais atividades serão realizadas), eu gostei bastante do seu conteúdo. Ele é bem escrito, te vende a ideia e acaba fazendo vários apontamentos bem interessantes... O principal deles (para mim) foi sobre auto responsabilidade.

A propósito, tem duas frases do livro que me chamaram muito a atenção:

  1. “Lembre-se sempre de que, onde você está, é resultado de quem você era, mas para onde você vai depende inteiramente de quem você escolher ser, a partir deste momento”.
  2. “Por um lado todos queremos ser felizes. Por outro lado, todos sabemos as coisas que nos deixam felizes. Mas não fazemos essas coisas. Por quê? É simples. Somos ocupados demais. Ocupados demais fazendo o quê? Ocupados demais tentando ser felizes”.

Então, acorde a hora que quiser/puder, medite no momento que para você fizer mais sentido, leia no tempo disponível, pratique exercícios físicos quando conseguir e, acima de tudo, pare de tentar ser feliz... seja feliz! :)

 

Comunidade Legal Hub
Ler matéria completa
Indicados para você